musicas.mus.br

Letras de músicas - letra de música - letra da música - letras e cifras - letras traduzidas - letra traduzida - lyrics - paroles - lyric - canciones - MINHA MISSãO - MARCELO D2 - música e letra

Utilize o abecedário abaixo para abrir as páginas de letras dos artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

Minha Missão letra


Quando o tempo fecha
O melhor às vezes
É sentar e esperar passar

Pois nada como levantar e ir a luta
Porque a vida é curta
Não posso bobear

(Refrão)
Pensei mais de uma vez,
Tentando encontrar
Às vezes falta o chão
Isso não vai me derrubar
São pedras no caminho
Em prol da evolução
A tempestade passa
E tudo volta ao seu lugar

A minha missão é vir cantar canções
E provar pra você que esse mundo é seu
E não importa o quanto duro ele for
E se te fez balançar quando ele te bateu
Eu sei que a vida não tá fácil amigo
É levantar a cabeça e seguir em frente
Tu já ouviu o velho ditado que diz,
A vida é simples, simples!
Quem complica é a gente
Minha terapia eu sempre fiz com rimas
Bota a raiva pra fora e levanta a auto-estima
Correr na frente sempre e nunca atrás
Orgulho de si mesmo e do trabalho que faz

(Refrão)
Pensei mais de uma vez,
Tentando encontrar
Às vezes falta o chão
Isso não vai me derrubar
São pedras no caminho
Em prol da evolução
A tempestade passa
E tudo volta ao seu lugar

Pensei, pensei, agi, corri, sofri a tempestade
Passa sim e a luz depois volta a brilhar
E essa ilumina no caminhar
Eu sei que não é fácil irmão
Nem tudo vem na nossa mão
E sabe quando isso vai mudar, não?
Pensa ou
Deixa rolar, vai

(Refrão)
Pensei mais de uma vez,
Tentando encontrar
Às vezes falta o chão
Isso não vai me derrubar
São pedras no caminho
Em prol da evolução
A tempestade passa
E tudo volta ao seu lugar

Eu amo, também odeio
Igual a todos
E não corro mais atrás
Do ouro dos tolos
Nem todo mundo é igualzinho a gente
Se tá perdendo paciência,
Bola pra frente
Se tá bom, eu quero mais
A tristeza eu jogo pra traz
As vezes acho que me afundo na massa
(Está em casa)
Sou da esquadrilha da fumaça, né
A gente não sabe do jeito que vai ser julgado
Se ajoelha, se arrepende, acha que não vai ser cobrado
Penso que a gente tem uma missão a cumprir
Não tá ligado poha, que que cê tá fazendo aqui?
Esconde atrás de suas inseguranças
Faz o papel de coitado e acha que o mundo vai ter pena
Se tá ruim pode melhorar
Se não melhorar (FODA-SE) mas faça algo que vale a pena

(Refrão)
Pensei mais de uma vez,
Tentando encontrar
Às vezes falta o chão
Isso não vai me derrubar
São pedras no caminho
Em prol da evolução
A tempestade passa
E tudo volta ao seu lugar

É isso,
Na veia ainda corre aquele sangue de skatista
Se cair eu levanto, levanto, levanto, levanto, levanto, levanto
Tento de novo até acertar, até acertar
O mundo é nosso parceiro,
o mundo é nosso
Então vai, vai, vai

Marcelo D2 - Letras

©2003 - 2018 - musicas.mus.br